Confeitaria Nacional

  • Nome
    Confeitaria Nacional
  • Cidade
    Lisboa
  • morada
    Praça da Figueira,18
    1100-241 Lisboa
  • GPS
    38.713117, -9.138062
  • Site
    http://confeitarianacional.com/
  • telefone / telemóvel
    +351 213 424 470
  • e-mail
    Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • redes sociais
    Facebook

Querem mesmo saber de onde veio o Bolo-Rei?

É a mais antiga confeitaria de Lisboa. A Confeitaria Nacional, fundada em 1829 por Balthazar Roiz Castanheiro - em plena Guerra Civil entre Liberais e Absolutistas -  rapidamente se tornou um espaço de agrado da fina flor* da capital. Tanta fama traria consigo vários prémios e, em 1869, é o seu filho mais novo, Balthazar Castanheiro Júnior, que ao herdar a Confeitaria Nacional a leva às primeiras páginas dos jornais, concretamente ao Diário Ilustrado. Em 1872 lia-se : "fundou um elegante salão, com gabinetes explendidos (…) tudo denunciando um certo bom tom, que, em definitivo, tem ali atraído as primeiras famílias da capital, a quem não foi difícil compreender a utilidade de um estabelecimento que em Lisboa é único no seu género".

No entanto, mais do que o cuidado com o espaço, Balthazar Junior quis ver os produtos da Confeitaria  reconhecidos. Recrutou de Paris e de Madrid mestres confeiteiros que melhoraram a qualidade das especialidades - tanto da doçaria, como das compotas e dos licores de fruta - no início da intitulada Doçaria Romântica em Lisboa. Seguem-se mais distinções, a presença em exposições internacionais e, para a História de Portugal – não é para menos -  foi Balthazar Junior quem importou de França a receita do Bolo -Rei. Por quê História? Porque o Bolo-Rei é o bolo típico da quadra natalícia, transversal a todos as classes e lares.

A Confeitaria Nacional ainda é a fornecedora da Presidência da República. Decorridas cinco gerações, continua a pertencer à família do fundador.

Agora devem estar a perguntar: “Então mas depois da História que abre o apetite, não há sugestões doces?”. Eis algumas especialidades: sortidos de amêndoa, os de ovo e também os de bolacha; Chocolates artesanais e a qualidade do café... mesmo!

* Aquilo que é melhor dentro de um grupo de pessoas ou de coisas.

 

 

Do you really want to know where the Portuguese Christmas cake “Bolo-Rei” comes from?

It is the oldest confectioner’s (confeitaria) in Lisbon. The Confeitaria Nacional, established in 1829 by Balthazar Roiz Castanheiro - right in the middle of the Civil War between the Liberals and the Absolutists - rapidly became a “must” for the cream of Lisbon society. Such fame brought a number of awards with it and in 1869, his youngest son, Balthazar Castanheiro Júnior, inherited the Confeitaria Nacional and brought it to the attention of the front pages of the press, and in particular of the Diário Ilustrado. In 1872 it stated: “he has established an elegant lounge with splendid cabinets (*) all revealing a certain level of good taste which has definitely attracted the leading families of the capital for whom it was not difficult to understand the usefulness of such an establishment in Lisbon which is the only one of its kind”.

However, more than taking care of the place, Balthazar Junior wanted the Confectionery products recognised. He recruited master confectioners from Paris and Madrid to improve the quality of the specialities - both sweets as well as jams and fruit liqueurs - at the start of what was called the Romantic Sweets in Lisbon. Many distinctions followed, a presence at international expositions and, for the History of Portugal - no less - it was Balthazar Junior who imported the recipe for Bolo-Rei (King’s Cake) from France. Why History? Because the Bolo-Rei is the typical cake of the Christmas festive season, which cuts across all classes and homes.

The Confeitaria Nacional is still the supplier to the President of the Portuguese Republic. After five generations, it still belongs to the founder’s family. You must now be asking, “Ok, but after this History lesson which has made me hungry, are there no suggestions for sweets?". Here are some specialities: Almond assortments, both those of egg and also wafers; handmade chocolates and the quality of the coffee ... really!

* That which is best in a group of people or things.